Baterias 2030

OVERVIEW

A descarbonização das cidades, assente na retirada faseada de combustíveis fósseis e na progressiva integração de fontes renováveis endógenas, emerge como instrumental no combate às alterações climáticas. O modelo energético do futuro configura-se na produção renovável e, como esta é intermitente, existe sempre a necessidade de armazenamento intermédio. Este armazenamento, por motivos de poupanças na distribuição, terá de ser feito de forma local nos próprios edifícios e integrada em micro redes inteligentes. Para que tudo isto se concretize, o papel das baterias é central e lança inúmeros desafios. É neste contexto que surge o projeto Baterias 2030, com o objetivo de responder aos desafios relacionados com a descarbonização e disseminação de comunidades energéticas sustentáveis, naquilo que se espera serem as cidades do futuro.

PARCEIROS

DST SOLAR, S.A., DOMINGOS DA SILVA TEIXEIRA S.A., BYSTEEL FS, S.A., WATT-IS, S.A., INNOVATION POINT - INVESTIGAÇÃO E DESENVOLVIMENTO S.A., EFACEC ENERGIA - MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS S.A., ADDVOLT, S.A., CMP-CIMENTOS MACEIRA E PATAIAS S.A., CHARGE2C - NEWCAP LDA, VISBLUE PORTUGAL, UNIPESSOAL LDA, LABORATÓRIO IBÉRICO INTERNACIONAL DE NANOTECNOLOGIA, UNIVERSIDADE DO PORTO | Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, INSTITUTO SUPERIOR TÉCNICO, CENTITVC - CENTRO DE NANOTECNOLOGIA E MATERIAIS TÉCNICOS, FUNCIONAIS E INTELIGENTES, LNEG - LABORATÓRIO NACIONAL DE ENERGIA E GEOLOGIA I.P., CEIIA - CENTRO DE ENGENHARIA E DESENVOLVIMENTO, INESC TEC - INSTITUTO DE ENGENHARIA DE SISTEMAS E COMPUTADORES, TECNOLOGIA E CIÊNCIA; INESC MICROSISTEMAS E NANOTECNOLOGIAS - INSTITUTO DE ENGENHARIA DE SISTEMAS E COMPUTADORES PARA OS MICROSISTEMAS E AS NANOTECNOLOGIAS; UNIVERSIDADE DO MINHO; OMNIFLOW, S.A., 3 DRIVERS - ENGENHARIA, INOVAÇÃO E AMBIENTE, LDA, ZEEV, LDA, AMNIS PURA, LDA.

PERÍODO

01.07.2020 - 30.06.2023

ORÇAMENTO GLOBAL

10.065.013,00 €

 

INVESTIMENTO CEiiA

95.326,66 €

INCENTIVO CEiiA

71.491,46€

CO-FINANCED BY

baterias_financiamento.png
BATERIAS 2030