NAÇÕES UNIDAS ELEGEM PROJETO-PILOTO DE MOBILIDADE NA FRENTE ATLÂNTICA

O projeto-piloto apresentado pelo CEiiA ao Global Compact das Nações Unidas com o objetivo de desenvolver uma área de teste de soluções para a mobilidade do futuro em Gaia, Porto e Matosinhos foi aceite. Permitir que cada cidadão possua uma fatura única de mobilidade que inclua para além do custo monetário das deslocações feitas dentro da zona-piloto, métricas como a da poupança de CO2 é um dos principais objetivos desta iniciativa.

Saiba mais AQUI.